segunda-feira, 21 de abril de 2008

Leroy Carr

Nascido em: 27 de março de 1905 em Nashville, TN.
Falecido em: 29 de abril de 1935 em Indianápolis, IN.

O termo "urban blues" é geralmente aplicado às bandas de blues datadas depois da Segunda Guerra Mundial, mas um dos seus precursores, no seu formato pré-elétrico foi o pianista Leroy Carr. Treinado com o exemplar guitarrista Scrapper Blackwell em Indianápolis, Carr tornou-se uma das maiores estrelas do blues de sua época, compondo e gravando quase 200 músicas durante sua curta vida, incluindo entre estas clássicos como "How Long, How Long", "Prison Bound Blues", "When the Sun Goes Down"e "Blues Before Sunrise". Seu blues era expressivo e evocativo, gravado somente com piano e guitarra, apesar de sua voz não ser considerada intensa como a dos country bluesmen.Ele foi responsável pela transformação de aspectos rurais de blues dos anos 20 em estilo de blues mais voltado para a cidade.

Nascido em Nashville, Leroy Carr mudou-se para Indianápolis quando criança. Enquanto era adolescente, ele mesmo praticou no piano, sendo auto-didata. Carr deixou a escola durante a adolescência, preferindo tomar o rumo da estrada. Pelos poucos anos seguintes, ele tocaria piano em várias festas no sul e no centro oeste. Durante este tempo arranjou vários empregos estranhos: se juntou a um circo, alistou-se na Marinha, foi um bootlegger (contrabandista de bebidas) e para completar sua "carreira" foi casado durante um curto espaço de tempo.

Carr retornou à Indianápolis, onde encontrou o guitarrista Scrapper Blackwell em 1928. Este dueto começou a se apresentar e pouco tempo depois estavam gravando para a Vocalion, apresentando "How Long How Long Blues" antes do término do ano. A música foi um sucesso inesperado e instantâneo. Pelos próximos sete anos seguintes, Carr e Blackwell gravariam muitos sucessos clássicos para a Vocalion, incluíndo: "Midnight Hour Blues", "Blues Before Sunrise", "Hurry Down Sunshine" e muitas outras.

No início dos anos 30, Carr era um dos mais famosos bluesman na América. Enquanto sua carreira profissional era um sucesso, sua vida pessoal fugia ao seu controle, cada vez mais se afundava no alcoolismo. Esse vício encurtou sua vida, falecendo em Abril de 1935. Carr deixou um enorme catálogo de blues e sua influência podia ser sentida e ouvida através de sucessivas gerações de músicos de blues, como T-Bone Walker, Otis Spann e Champion Jack Dupree.

Nenhum comentário:

Instagram

Translate

Canal ESTB

Seguidores